Google Tag Manager

terça-feira, 8 de dezembro de 2009

Florais de Minas - Passiflora


Posted by Picasa

 

Passiflora (Passiflora edulis)

Algumas pessoas deste tipo temem as manifesta­ções sobrenaturais; sonambulismo, enurese noturna, bruxismo, pesa­delos; medos vagos e espirituais; mudanças de humor inexplicáveis.

 

Todos já conhecem o maracujá como calmante. A personalidade Passiflora tem medo, mas não sabe de quê.

As crianças podem ter medo do escuro, de assombração, de bicho-papão. São medos indefinidos, indeterminados. Ela nem gosta de falar sobre eles, pois não sabe identificá-Ios. Mas que tem medos, isso tem.

Estes medos apresentam-se também como presságios negati­vos sobre algo que vai acontecer.

A essência floral Passiflora nos ajuda a eliminar os medos indefinidos, baseados em motivos indeterminados que muitas ve­zes têm origem na falta de conhecimento da situação.

Um floral que nos auxilia a obter Fé em nós próprios e no ambiente que nos rodeia. 



 As pessoas deste tipo podem em geral sentir  medos vagos de origem desconhecida; para aqueles que sentem pressentimentos, presságios de eventos negativos, sensação de perseguição, de punição e de morte; são acometidos repentinamen­te por medos vagos, ansiedades, mudanças de humor imotivadas e idéias obses­sivas; para os indivíduos supersticiosos, que às vezes sentem calafrios, tremo­res, suores e arrepios, e ainda têm medo da escuridão, de fantasmas, de veló­rios e cemitérios. Podem ter pesadelos, sonambulismo, falas e chutes noturnos, enurese, bruxismo, além de insônia associada ao medo de morrer ou à percep­ção de espectros. O medo não é fixo, mas é construído conforme a situação e o local em que se encontram. Muitas vezes para dormir mantêm uma luz acesa, cobrem a cabeça, dormem virados para a parede para não terem de olhar de frente a escuridão.

A personalidade padrão tende a ter um corpo físico magro e alto, uma pele clara, fina, às vezes escamosa e hipersensível à luz solar, refletindo assim a desproteção.

Quando em harmonia, essa abertura e habilidade de penetrar também as regiões celestiais do pensamento humano faz dessa personalidade um canal de ma­nifestação da Vontade Divina na terra. Positivamente, tal pessoa tende a associar em si mesma uma índole contemplativa com uma poderosa fé mística, capaz então de fortalecer a mente de seus irmãos através da revelação de leis cósmicas.

Essa personalidade é capaz de renascer das cinzas em seus momentos mais conflituosos, quando então pode sofrer uma tremenda expansão de consciência, libertando-se facilmente de conceitos e hábitos outrora arraigados.

Em desarmonia, a alma vive o mais básico de todos os medos: o medo da vida no seu sentido mais intrínseco, o medo do que subjaz oculto na matéria e nas suas formas exteriores, o medo do tempo e de suas estranhas voltas. Na verdade, tais medos são certezas inconscientes de que a realidade é implacável e fantastica­mente mais justa que suas aparências.

Do ponto de vista fisiológico, além dos problemas de pele, o excessivo tensionamento do plexo solar pode trazer comprometimentos dos órgãos dessa re­gião, em especial da glândula supra-renal, responsável pela produção da adrenalina. Situadas acima dos rins, essas glândulas têm o formato de pirâmides, que na teoria esotérica das formas se relaciona com a captação energética.

A essência desperta os planos internos de fé, coragem, superação e ressurreição.

A Passiflora é o conhecidíssimo Maracujá, do qual se preparam sucos e bebidas calmantes. Trata-se da espécie chamada de Maracujá-mirim, uma trepa­deira da família das Passifloráceas, de caule lenhoso, dotada de ágeis gavinhas opostas às folhas ovais ou elípticas.

Quando as personalidades associadas a essa flor se harmonizam, equilibram seus dois aspectos opostos; passam então a falar sobre suas verdades interiores, tornam-se autodidatas e verdadeiros gênios universais.

As personalidades correspondentes não florescem cedo na vida, mas desenvolvem aos poucos o pleno potencial de seus seres. 


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...