Google Tag Manager

quarta-feira, 28 de novembro de 2012

Ameno cancao de Eric Levi


Estimado leitor, dedico esta postagem para a minha amiga Lala, a Tecladista Menina das Estrelas


Trata-se de um canto tipo gregoriano cuja letra causa confusão entre o latim e o grego. Veja abaixo mais esclarecimentos e curta esta música incrível.


A letra é uma mistura de grego e latim, idioma falado pelos Cátaros da Idade Média.

Ameno
Dori me
interimo adapare dori me
Ameno ameno lantire
lantiremo
dori me
Ameno
omenare imperavi ameno
Dimere dimere mantiro
mantiremo ameno

Omenare imperavi emulari ameno
Omenare imperavi emulari ameno

Ameno
ameno dore
ameno dori me
ameno dori me

Ameno dom
dori me reo
ameno dori me
ameno dori me
dori me am

Ameno
omenare imperavi ameno
Dimere dimere mantiro
mantiremo ameno

Omenare imperavi emulari ameno
Omenare imperavi emulari ameno

Ameno
ameno dore
ameno dori me
ameno dori me

Ameno dom
dori me reo
ameno dori me
ameno dori me
dori me am

Ameno
ameno dore
ameno dori me
ameno dori me

Ameno dom
dori me reo
ameno dori me
ameno dori me
dori me am

ameno dore
ameno dori me
ameno dori me

Ameno dom
dori me reo
ameno dori me
ameno dori me

Ameno dom
dori me reo
ameno dori me
ameno dori me

Liberta-me
Sinta minha dor
Absorve-me, toma-me, sinta minha dor
Liberta-me, liberta-me, descubra-me
Descubra meus sinais
Sinta minha dor
Liberta-me
Suaviza (esta dor), conforta-me, liberta-me
Perceba, perceba, mutilaram-me,
Machucaram-me, liberta-me

Suaviza (esta dor), conforta-me, liberta-me
Suaviza (esta dor), conforta-me, liberta-me

Liberta-me
Liberta-me da dor
Ameniza minha dor
Ameniza minha dor

Tira-me esta dor, Senhor
Alivia minha dor, Rei
Ameniza minha dor
Ameniza minha dor
Liberta-me, Senhor

Liberta-me
Suaviza (esta dor), conforta-me, liberta-me
Perceba, perceba, mutilaram-me,
Machucaram-me, liberta-me

Suaviza (esta dor), conforta-me, liberta-me
Suaviza (esta dor), conforta-me, liberta-me

Liberta-me
Liberta-me da dor
Ameniza minha dor
Ameniza minha dor

Tira-me esta dor, Senhor
Alivia minha dor, Rei
Ameniza minha dor
Ameniza minha dor
Liberta-me, Senhor

Liberta-me
Liberta-me da dor
Ameniza minha dor
Ameniza minha dor

Tira-me esta dor, Senhor
Alivia minha dor, Rei
Ameniza minha dor
Ameniza minha dor
Liberta-me, Senhor

Liberta-me da dor
Ameniza minha dor
Ameniza minha dor

Tira-me esta dor, Senhor
Alivia minha dor, Rei
Ameniza minha dor
Ameniza minha dor

Tira-me esta dor, Senhor
Alivia minha dor, Rei
Ameniza minha dor
Ameniza minha dor


Ameno (canção)
Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
http://pt.wikipedia.org/wiki/Ameno_(can%C3%A7%C3%A3o)

"Ameno"


Single por Era
do álbum Era
Lançamento 1997
Formato(s) CD
Gênero(s) New age, soft rock
Duração 4:18
Gravadora(s) Mercury Records
Composição Guy Protheroe, Eric Levi
Produção Eric Levi
Cronologia de singles por Era


"Mother"
(1997)

"Ameno" é o primeiro single do álbum Era, lançado pelo projeto musical de new age Era em 1997. A canção conseguiu entrar no Top 10 na parada musical da França, Bélgica e Suécia, e também chegar a posição #12 na Alemanha.


Índice
Faixas
2 Posições nas paradas musicais
2.1 Melhores posições
2.2 Posições anuais
3 Referências

Faixas
#TítuloDuração
1. "Ameno" 4:18
2. "Ameno" (Remix) 3:45
Posições nas paradas musicais
Melhores posições
Parada musical (1997/1998)Melhor
posição Alemanha - Germany Top 100 Singles[1] 12
Bélgica - Ultratop Top Singles (Valônia)[2] 2
França - SNEP[3] 5
Suécia - Sverigetopplistan[4] 5

Posições anuais
Parada de fim de ano (1997)Melhor
posição Bélgica - Ultratop (Valônia)[5] 10
França - SNEP[6] 25
Parada de fim de ano (1998)Melhor
posição
Alemanha - Germany Top 100 Singles[7] 81

Referências

Parada de Singles da Alemanha. musicline.de. Página visitada em 17/10/2010.
Parada de Singles da Bélgica (Valônia). ultratop.be. Página visitada em 17/10/2010.
Parada de Singles da França. lescharts.com. Página visitada em 17/10/2010.
Parada de Singles da Suécia. swedishcharts.com. Página visitada em 17/10/2010.
Parada Anual de Singles da Bélgica (Valônia). ultratop.be. Página visitada em 18/02/2011.
Parada Anual de Singles da França. disqueenfrance.com. Página visitada em 18/02/2011.
Parada Anual de Singles da Alemanha. ki.informatik.uni-wuerzburg.de. Página visitada em 18/02/2011.


Para saber mais, clique em Mais Informações, abaixo.


Fonte: http://pt.wikipedia.org/wiki/Era_(projeto_musical)

Era é um projeto musical criado pelo francês Eric Levi, antes membro do grupo de glam rock Shakin' Street.[1]

Suas músicas, geralmente cantadas em latim, misturam música clássica, ópera e canto gregoriano com outros estilos contemporâneos. Músicas em inglês foram ganhando espaço a cada novo álbum, e no CD Reborn há também faixas cantadas em árabe.


Índice
1 História
2 Integrantes
3 Discografia
4 Vídeos Musicais
5 Referências
6 Ver também
7 Ligações externas

História

O primeiro álbum teve grande sucesso comercial. A música Mother foi usada na trilha sonora do filme Alta Velocidade [2] (2001), deSylvester Stallone. E na Austrália, a música Ameno foi usada na campanha "The Power of Yes" (O Poder do Sim) da Optus Telecommunications. Ele também conta com algumas faixas que foram compostas por Eric Levi antes do surgimento do grupo e que foram utilizadas na trilha sonora do filme Les Visiteurs, de 1993. A musica Divano ficou bem conhecida no Brasil, pois fazia parte da trilha sonora da telenovela Um Anjo Caiu do Céu. Muitas vezes o grupo, que já vendeu mais de 4 milhões de cópias na França e 12 milhões ao redor do mundo [carece de fontes], apresenta vestes e armas da Idade Média nos seus concertos. O universo visual de Era é o complemento de sua inspiração musical, utilizando sinais e sentimentos próximos aos religiosos, explorando uma dimensão universal, um universo de emoções, espirituais e místicas.

A música Enae Volare Mezzo foi por muito tempo usada pelo lutador russo Fedor Emelianenko na sua entrada ao ringue.

Seu estilo pode ser descrito como new age e pode ser considerado similar ao de artistas como Enigma, Gregorian, Deep Forest eEnya.

Alguns componentes do grupo são cátaros e católicos [carece de fontes], e no clipe da música Enae Volare Mezzo percebemos forte influência mística do catarismo.

Ao ser estabelecido o programa de história e de francês (respectivamente a Idade Média e o estudo de um romance medieval) dos alunos do segundo ano do ensino secundário na França, o estudo das músicas de Era foi incluído no currículo dos cursos de música.
Integrantes
Eric Lévi *
Guy Protheroe
Lena Jinnegren
Eric Geisen [3]
Florença Dedam
Murielle Lefebvre
Chester Thompson
Lee Sklar
Phil Collins
Daryl Stuermer
Irene Bustamante
Discografia
Era (1996)
Infinity (1998)
Era 2 (2000)
The Mass (2003)
The Very Best of Era (2005)
Reborn (2008)
Classics (2009)
The Essential (2010)
Classics II (2010)
Vídeos Musicais
Ameno (1997)
Mother (1997)
Enae Volare Mezzo (1998)
Misere Mani (2000)
Divano (2000)
Infanati (2000)
The Mass (2003)
Looking for something (2003)
Reborn (2008)
Prayers (2008)
Referências

Universal Music France | Artiste | ERA (em francês). Página visitada em 1 de Novembro de 2008.
Driven (2001) - Soundtracks (em inglês). Página visitada em 1 de Novembro de 2008.
http://translate.google.com.br/translate?hl=pt-BR&sl=en&u=http://mp3fiesta.com/era_artist737/&ei=XRvjSrmmIsqQuAfY2pDbAQ&sa=X&oi=translate&ct=result&resnum=2&ved=0CAkQ7gEwAQ&prev=/search%3Fq%3DMembers%2BEric%2BL%25C3%25A9vi%2BGuy%2BProtheroe%2BLena%2BJinnegren%2BEric%2BGeisen%2BFlorence%2BDedam%2BMurielle%2BLefebvre%2BChester%2BThompson%2BLee%2BSklar%2BPhil%2BCollins%2BDaryl%2BStuermer%2BIrene%2BBustamante%26hl%3Dpt-BR%26sa%3DGinserir fonte aqui
Ver também
New age
Deep Forest
Enigma
Enya
Gregorian
Ligações externas
Site Oficial (em inglês e em francês)
Discografia Oficial (em russo)



Fonte: http://oleniski.blogspot.com.br/2010/06/era-e-simpatia-pelo-catarismo.html

ERA e a simpatia pelo catarismo


Ninguém pode negar o fato de que há uma certa simpatia contemporânea pelo catarismo na cultura popular.

 Mas há também uma simpatia menos explícita pelos movimentos religiosos sagrados da Idade Média. 

De certo modo, isso não é estranho, uma vez que não são poucos os teóricos que traçam nesses movimentos de inspiração gnóstica as origens de diversas características da modernidade.

Um dos exemplos dessa simpatia é o vídeo da música "Ameno" do grupo francês Era. 

O compositor e líder desse grupo, o francês Eric Lévi, demonstra em suas músicas, geralmente de inspiração e sonoridade medievais, uma evidente admiração pela seita dos cátaros.

Os cátaros foram adeptos de uma  religião de gnósticos que se caracterizou, entre outras coisas, pela crença na pureza de seus membros ("cathar" significa "puro"), bem como pela rejeição da autoridade eclesiástica e dos sacramentos do cristianismo católico.

 Eles se concentraram na região da Languedoc, na França, e se acastelaram em Montségur com o fim de se defenderem da investida militar da cruzada convocada por Inocêncio III no século XIII.

O vídeo não é novo, mas merece uma pequena análise de seu simbolismo. 

Ele inicia mostrando um grupo de crianças percorrendo os campos da Languedoc. 

Desse grupo, uma menina tem sua atenção capturada por um monumento de pedra com inscrições que fazem referência aos cátaros.

Desde o início, vê-se que, do grupo, só uma se interessou pelo monumento. 

Ou seja, nem todos são chamados.

 Imediatamente, somos transportados para a Idade Média onde vemos a mesma menina do início do vídeo. 

A mensagem é de que há uma ligação entre a França de hoje e aquela França medieval e que o que aconteceu lá tem conseqüências hoje.

A vida tranqüila é interrompida pelo surgimento de um cavaleiro que, ameaçadoramente, carrega uma espada. 

É uma referência à cruzada católica contra os cátaros e albigenses do século XIII. 

O A oposição está dada entre os pacíficos cátaros, que são crianças espirituais e o poderio violento do catolicismo.

O cavaleiro chega ao monumento e tenta, com a espada, cortar a parte superior do mesmo. 

Ele não consegue e, sob o impacto do choque, a espada é lançada para longe de suas mãos. 

O simbolismo é aqui interessante. 

Evidentemente, em um nível, é uma referência à destruição do castelo de Montségur pelas forças cruzadas. 

O monumento, como o castelo, são feitos de pedra.

 E a parte superior do monumento, com forma semelhante à uma cabeça, a qual o cavaleiro tenta cortar, faz alusão ao centro de difusão do catarismo, o supracitado castelo.

Ao mesmo tempo, ele significa também o cerne da doutrina cátara que o catolicismo pretendeu destruir. 

Contudo, segundo o vídeo, o catarismo resistiu, pois a espada caiu das mãos do cavaleiro. 

A espada cai fincada na terra e sua forma assemelha-se claramente à uma cruz. 

Ou seja, a cruz caiu das mãos da Igreja e a autoridade espiritual não mais pertence à ela. 

Ela pertence à criança, símbolo do cátaro, que toma a espada em suas mãos.

A menina não investe contra o cavaleiro. 

Não quer vingança. 

Ao contrário, ela toma a espada para cortar o monumento. 

Nesse instante, a espada não é mais um instrumento de violência, mas sim de penetração espiritual que rasga o sentido oculto dos mistérios e revela a verdade mais profunda. 

O cavaleiro não conseguiu penetrar, mas o "puro", a criança, consegue.

 "Quem não se tornar como criança, não entrará no Reino dos Céus".

Em seguida, uma luz liga diretamente o monumento aos céus e representa assim a verdade divina do catarismo. 

Ele liga o celeste e o terreno na medida em que o monumento se torna o símbolo tradicional do "centro do mundo". 

As imagens mostram as nuvens passando, para indicar a oposição entre as eras que passam e a verdade que permanece sempre a mesma representada pelo monumento sólido.

E de dentro desse "centro" a menina retira a cruz cátara, sua herança e seu direito. 

O vídeo retorna ao presente e a menina tem em suas mãos a cruz cátara e vai carregá-la pendurada no pescoço. 

O significado é fácil de interpretar: as novas gerações redescobrem o catarismo e o adotam devotadamente.

---
Querida Amiga Lala, que a sua Rosa brilhe sobre a sua Cruz.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...