Google Tag Manager

sábado, 17 de janeiro de 2015

Determinada a composicao quimica do Oricalco da Atlantida encontrado no mar

Determinada a composição química do Oricalco da Atlântida encontrado no mar

Fonte: http://spettacoliecultura.ilmessaggero.it/eventi/recuperati-39-lingotti-metallo-atlantide/1091089.shtml

Autora: Laura Larcan

29/12/2014.

No oceano, sobre a extinta cidade de Gela na Itália, foram regatados de um navio afundado, 39 lingotes produzidos há pelo menos 2600 anos atrás, do material Orichalcum ou Oricalco, o mesmo metal utilizado no afundado continente de  Atlântida

Eles lingotes foram desenterrados das camadas de areia onde haviam ficado por  mais de 2600 anos, nas profundezas do mar de Gela, a poucas dezenas de metros da costa do distrito "Bulala". 

A área-chave que, no passado, recebeu os destroços de três navios arcaicos afundados estava encoberta pela areia. 

Entretanto, as correntes e tempestades dos últimos dias têm movimentado a areia do fundo do mar e o  tesouro adormecido "despertou". 

Além da beleza de 39 lingotes intactos de um metal precioso, brilhante como o ouro,  o oricalco, que data do século VI antes de Cristo,  na era arcaica era  o terceiro maior metal de valor comercial, depois do ouro e da prata. 

Não é por acaso que o oricalco, semelhante ao bronze moderno,  era conhecido como um metal precioso por sua semelhança com o ouro na antiguidade. 

De acordo com as análises com "fluorescência de raios-X" (realizada por Dario Panetta):


A composição do Oricalco é de 80% de cobre e 20% de zinco.

Para saber mais, clique sobre mais informações, abaixo.





Cada espécime, isto é, cada barra é o resultado de uma liga metálica composta de 80% de cobre e 20% de zinco e  foi feita com técnicas avançadas, cujo processamento, os colonos de  Gela, de orígem de Rohdes e Creta, tinham aprendido com os fenícios.


Um metal, que entre outras coisas, sempre foi muito ligado ao mito e  à história, uma vez que de acordo com Platão "foi feita de oricalco a parede da acrópole de Atlantis e a coluna no templo de Poseidon, em que foram escritas as leis." 

Não só isso, mas os romanos, no tempo de Augusto, tinham moedas cunhadas com este metal que foi extraído na Anatólia e chamado de "Copper Mountain".

A descoberta tem seus protagonistas. O primeiro a identificar os achados eram voluntários da associação ambientalista "Mare Nostrum", dirigido por Francis Cassarino. A recuperação ocorreu com uma equipe de mergulhadores do Porto, a Polícia de Alfândega e Superintendente do mar. 

A beleza da descoberta foi, que quando as barras de oricalco foram trazidas para a superfície, elas brilhavam muito , e todos os presentes pensaram que fossem barras de ouro.

A descoberta foi revelada hoje, 29/12/2014. Satisfeito, o Superintendente Sebastiano Tusa, que acompanhou toda a operação, declarou  "A descoberta de lingotes  de Orichalcum no mar de Gela abre perspectivas de grande importância para a pesquisa e estudo das antigas rotas de abastecimento dos metais no antigo Mediterrâneo. Até agora, nada do tipo havia sido encontrado no mar. Só se sabia da existência Orichalcum através de descrição textual e alguns ornamentos. 


Ele também confirma a grande riqueza e capacidade produtiva da cidade de artesãos de Gela nos tempos antigos como uma área de consumo de objetos de valor. 


Orichalcum foi, de fato, para os antigos, um metal precioso cuja produção invenção era atribuída a Cadmus '.

De acordo com o superintendente Sebastiano Tusa, os lingotes de oricalco estavam chegando em Gela, quando o navio que os transportava afundou talvez devido ao mau tempo.

 Tusa continua: "A presença de Orichalcum em Gela poderia se relacionar com a cidade de origem Rodhes. Lembrando o fato de que os antigos gregos davam o crédito a Cadmus (figura mitológica grega-fenícia) como inventor do Oricalco."

Os 39 lingotes de Oricalco teriam sido destinado a um local de artesanato de alta qualidade, para a decoração de um bem particular.


Agora, a exploração do navio naufragado necessita de recursos. É certo que o navio afundado contem um carga de grande importância  histórica e comercial que permitirá atualizar a mais antiga história econômica da Sicília. 

Entretanto, considerando os recursos limitados da região da Sicília, no entanto, o superintendente espera ganhar acesso aos fundos estruturais da Europa e talvez de patrocínios de pessoas físicas.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...